Paste your Google Webmaster Tools verification code here

TEMAS ATUAIS

Temas indispensáveis à formação de uma sociedade crítica e democrática

Parceria escola-família: Veja como ensinar os estudantes a identificarem as fake news

fake news 2

A popularidade da internet potencializou a liberdade de expressão em todo o mundo. Hoje, com apenas alguns cliques é possível compartilhar com milhares de pessoas o seu status, fotos, vídeos e notícias. Esse é um avanço importante para a sociedade, pois todos têm a chance real de tornar público os seus pensamentos e opiniões. No entanto, essa liberdade vem sendo usada para o bem e para o mal.

Há algum tempo, o termo fake news (notícia falsa em português) ganhou destaque na mídia e se tornou conhecido por boa parte da população. No ano de 2016, o termo teve um crescimento de 365% nas pesquisas realizadas nos buscadores da internet. A disseminação de conteúdos virais e mentiras se fortaleceu com as redes sociais e aplicativos de mensagens instantâneas e vem sendo um tema de debate nas escolas e também entre as famílias.

As fake news abordam informações falsas com bastante sensacionalismo, trazendo de forma enganosa temas que são importantes para a sociedade, geralmente ligados à saúde, política e segurança. Por causar desespero e revolta nas pessoas, essas fake news são facilmente compartilhadas e acabam tendo um alcance inimaginável.

O desafio dos educadores e pais é o de ensinar os jovens a identificarem as fake news no ambiente online, mantendo um olhar crítico sobre todos os fatos apresentados. A seguir, reunimos algumas dicas de como abordar esse tema com os estudantes, garantindo que eles não acreditem e nem disseminem esse tipo de conteúdo.

Explique o poder negativo das fake news

O primeiro passo para ensinar os estudantes a identificarem as fake news é mostrando para eles os impactos que as notícias falsas podem trazer para a vida das pessoas. Morte de famosos, boatos sobre política e promoções enganosas são apenas alguns dos exemplos de fake news que circulam diariamente pela internet.

Por abranger pessoas, partidos ou empresas, essas notícias podem colocar em risco a segurança dos envolvidos. Dependendo do tema, é comum as pessoas ficarem revoltadas e começarem um motim contra o personagem central. Por isso, as fake news são perigosas e tem um poder destrutivo na sociedade, que tanto lutou para conquistar a liberdade de expressão. Explicar isso de forma clara e didática para os jovens é importante para conscientizá-los, evitando que eles façam parte dessas correntes negativas.

Apresente dicas de como identificar as fake news na internet

Tanto os jovens quanto os adultos precisam ficar atentos para não cair na armadilha das notícias falsas. Há algumas dicas que os pais e educadores podem compartilhar com os estudantes, pois elas ajudam a potencializar o olhar crítico sobre os fatos.

  • Não compartilhe manchetes sem ao menos ler a matéria;
  • Não encaminhe áudios e vídeos que não sejam de fontes confiáveis;
  • Evite participar de correntes online;
  • Fique atento ao endereço do site. Não confie apenas no logo, pois ele pode ter sido copiado indevidamente;
  • Liste os veículos confiáveis e use-os como fonte de informação.

Com uma boa orientação e aplicando as dicas apresentadas acima, os estudantes estarão prontos para identificar as fake news, contribuindo para o enfraquecimento dessa prática enganosa.

Para continuar participando ativamente da formação do seu filho, recomendamos que você leia em nosso blog o post que traz dicas de como orientar o futuro profissional do seu filho.

Quer mais conteúdo?

Preencha os dados e receba o melhor conteúdo sobre educação e atualidade!

Obrigado!

Pin It on Pinterest

Share This