Paste your Google Webmaster Tools verification code here

TEMAS ATUAIS

Temas indispensáveis à formação de uma sociedade crítica e democrática

Como lidar com a ansiedade e a falta de paciência das crianças nos dias de hoje

aniedade infantil - Colegio Marupiara

Ansiedade e falta de paciência das crianças nos dias de hoje: um desafio para pais e educadores

 

Desde muito pequenos, os bebês se mostram verdadeiramente imperativos. Eles sentem um desconforto e logo começam a chorar para serem prontamente atendidos. Esse comportamento é recorrente nos anos subsequentes. É comum observar que, quando uma criança precisa esperar para ser atendida ou quando não pode ser atendida no momento solicitado, essa situação se transforma em sofrimento para ela.

 

Conforme a criança vai crescendo, as vontades vão crescendo na proporção direta. No ambiente escolar, é fácil observar momentos de falta de paciência dos pequenos alunos. Por exemplo, se há diversos brinquedos para eles se divertirem e um determinado brinquedo, já nas mãos de outra criança, chama a atenção do aluno, começa o processo de angústia pela espera em poder ter o brinquedo para si. Muitos estudantes, diante dessa situação, apelam para o choro afim de conquistar o seu objetivo, assim como os bebês.

 

A jornalista Pamela Druckerman, autora do livro “Crianças Francesas Dia a Dia” afirma que o segredo para que as crianças sejam mais pacientes não é querer que elas fiquem paralisadas e em silêncio, mas que consigam entender que nem todos os seus pedidos podem ser atendidos imediatamente.

Estudos demonstram que, quando as crianças, desde pequenas, são ensinadas a aguardar certo tempo para serem atendidas, antes de atingir o que desejam, crescem com maior capacidade de êxito em suas relações sociais, familiares e de trabalho.

Ensinar a habilidade da paciência é um dos aprendizados que mais demandam tempo, porque além de serem impacientes por natureza e quererem as coisas de forma imediata, as crianças não entendem o conceito de tempo. Esse desafio se torna ainda mais intenso em uma sociedade em que tudo está cada dia mais pronto, rápido e imediato.

Como os pais podem ajudar seus filhos a serem mais pacientes?
Educar é um processo que demanda paciência e, sem dúvida, esse processo é muito trabalhoso. Além do imediatismo da criança, a impaciência do adulto compromete o processo. Pais impacientes costumam criar filhos impacientes, pois, além da forte tendência de atender com rapidez as necessidades das crianças, surge o modelo de uma figura inquieta, que sempre reclama de ter de esperar ou que sempre quer, a qualquer custo, alcançar seus objetivos.

A paciência é uma virtude que deve ser cultivada pelas pessoas. Ela pressupõe um exercício constante de empatia, de se colocar no lugar do outro. Requer humildade para respeitar a opinião dos outros, ainda que discorde dela. Pais que agem sem paciência no cotidiano internalizam tal postura nas crianças. Não se ensina às crianças pequenas os valores por meio de discursos, mas, sim, com exemplos.

Desenvolvendo a paciência na escola
No colégio, os professores precisam ser orientados pelos seus gestores para agirem com equilíbrio, pois a vida em grupo faz com que o aluno reconheça a existência de outras crianças com as quais partilhará experiências, aprenderá a trocar brinquedos e objetos, esperar a sua vez e dividir espaço e atenção.

Quanto mais as crianças praticarem situações do cotidiano na infância, por meio de jogos dramáticos ou faz de conta, tanto mais estarão preparadas a enfrentar os conflitos e empasses na vida adulta.

Com paciência e persistência, pais e educadores conseguirão formar cidadãos mais tolerantes e capazes de buscar soluções e alternativas para os desafios, com menos ansiedade e agressividade, características que têm marcado os conflitos da nova geração, que busca tudo aqui e agora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer mais conteúdo?

Preencha os dados e receba o melhor conteúdo sobre educação e atualidade!

Obrigado!

Pin It on Pinterest

Share This